Blog do Yogue

Busca

Sobre o blog

A idéia deste meu blog é trazer o mundo do yoga e da meditação mais perto do seu cotidiano.

Adoro responder e investigar sobre este assunto, pois é uma forma preciosa de conhecer mais este universo.

Este nome “blog do yogue” é porque vamos aproveitar a sabedoria de muitos e muitos yogues do passado e do presente para rechear e iluminar o nosso dia a dia. Yogue para quem não sabe é um sábio. E mais propriamente é aquele que chegou lá! Chegar lá no yoga é uma das muitas coisas a se saber...

31/01/2009

Posturas que ajudam outras posturas

 
 

Posturas que ajudam outras posturas

PERGUNTA:
Professor, Quantos e quais asanas são indicados para fazer antes de um que seja invertido? Se fizer um asana invertido sem nenhum "aquecimento" prévio, pode acontecer o que?
Bernardo de Aguiar   31/01/2009 10:19
________________________________________
 
Resposta:

Bernardo, sempre alguns asanas podem ser prepararatórios para outros. Como dizia um aluno "tem asanas que são como amigos". Se a invertida é sobre os ombros, fazer por exemplo o chatuspadasana antes pode ajudar bastante. Se a postura for um salamba sirshasana - invertido apoiado sobre os ombros - o gomukhasana - postura da cabeça da vaca pode ser um bom preparatório. Aquecer é sempre bom e ampliando o sentido deste termo, aquecer, diria que abrir  os ombros no yoga vai nos tornar mais conscientes destas partes que serão mais exigidas nestes asanas invertidos e assim previnir a possibilidade de lesões ou mal jeito.

 

Gomukhasana - posição da cabeça da vaca
________________________________________
 
 
 
Alinhamento interno é sinônimo de proteção ---------------------
 Lembre ombro, pescoço e escápulas são interligados, apelidamos dos 'tres mosqueteiros'. É importante, antes dos dois tipos de asanas invertidos, tanto sobre os ombros quanto sobre a cabeça, também alongar a parte posterior da perna e coxa pois ajuda na entrada e na saída da postura, sobrecarregando menos outras partes.

 

ADHO MUKHA SVANASANA -  posiçaõ do cão com o rosto voltado para baixo(pode ser útil para

criar um alongamento geral tanto da parte anterior, soltando os ombros, como no lado posterior, alongando as coxas).

 Como você sabe é  assim que construimos um asana no Iyengar Yoga, é como uma engenharia. Então não precisamos nos limitar a um asana que reduza o enrigecimento dos ombros e pescoço podemos fazer vários deles pois feito isto priorizando o alinhamento interno em cada um , de acordo com o experimentamos na prática de Iyengar, geramos proteção! Ao fazer estes asanas preparatórios você vai checando orgânicamente como está aquela parte do corpo hoje.

SIRSHASANA - pouso sobre a cabeça
________________________________________
 
Experiência

Quando você pratica há mais tempo é possivel sim fazer certos asanas mais comprometedores com regiões tensas como o pescoço e ombros,  sem antes abrir e aquecer algumas partes. Isto não siginifica que os preparatórios são dispensáveis, eles serão sempre bem vindos.
________________________________________
Boa Notícia
Bernardo, na próxima revista Prana Yoga Journal (edição de fevereiro) por exemplo, deverá sair uma sequência que sugeri à revista que é preparatório para quem já pratica o salamba sirshasana. Obrigado pela pergunta, muito boa. Sandro

Por Sandro Bosco às 15h44

29/01/2009

Paz interior

 
 

Paz interior

Shanti – A paz interior ==================================
Quando terminamos os cantos hindus, textos sagrados ou rituais, sempre entoamos a palavra shanti (paz) três vezes. A primeira vez invocamos proteção contra os inimigos internos que são: o ciúme, o orgulho, a raiva, a gula, o desejo e a paixão.
A segunda vez invocamos a proteção contra os inimigos externos e a terceira vez a proteção contra as calamidades da natureza. De fato isto é um pedido inerior de você para você mesmo que a sua mente se torne mais vigilante. A mente em vigília está presente no “agora” e assim percebendo a realidade objetiva.

Salve-se de um tsunami ================================
Isto me lembra na catástrofe do tsunami os elefantes de Bali que (alguns deles mesmo acorrentados) subiram e levaram no lombo alguns turistas de sobra para um lugar mais elevado e protegido onde a grande onda não alcançou e salvou a todos: animais e humanos. Os animais estão presentes com seu órgãos de sentido abertos, estão ligados a terra, ao ar, a água ou ao meio que mais habitam.
A mente alerta nos protege na natureza
Quando vivi na Californianos anos 70, nós éramos instruídos a prestar atenção aos animais domésticos pois eles poderiam nos sinalizar, com a sua inquietude, um presságio à um terremoto.
E você o quanto você tem vivido no subjetivo e distante mundo dos pensamentos?
E você o quanto tem estado presente e consciente do espaço que você habita neste instante?
Conta a tradição Zen ===================================
Um mestre e discípulo caminhavam em uma trilha na montanha. O mestre para e pergunta:

- Você sente o perfume do loureiro?
 - Sim mestre estava sentindo.
 - Então nada mais tenho a lhe ensinar

Por Sandro Bosco às 16h46

Dores nas costas ?

 
 

Dores nas costas ?

Esta retro flexão da coluna, com auxílio deste acessorio - Arco Zen -, traz benefícios

restauradores da energia vital, reduz a annsiedade, além de aliviar dores nas costas,

como por exemplo as provenientes da posição sentada em cadeira ou trabalhando

 no computador. visite - www.yogadham.com.br

 

Por Sandro Bosco às 16h43

28/01/2009

Imersão no Yoga

No próximo dia 07 de fevereiro, começaremos no Yoga Dham

o Curso de Imersão no Yoga. 

São cinco finais de semana  (um por mês)para você mergulhar nas práticas e estudos de yoga, cultura e filosofias da India.

visite - www.yogadham.com.br

 

Curso de Imersão no Yoga:

estudos de mitologia e representações hindus

Na foto: Puja (oferenda) para Sarawasti, a deusa do conhecimento,

da literatura e das artes.

 

Curso de Imersão no Yoga

Grupos de estudos e reflexão dos textos yogues

 

 

Curso de Imersão no Yoga

Interação com os instrumentos musicais indianos sua história

e função terapeutica. Estudos dos mantras e da musicalidade

da India.

Curso de Imersão no Yoga

Prática de asanas e pranayamas -

posturas e respiração.

Por Sandro Bosco às 23h04

O convite

 
 

O convite

 

Certa vez, em Vaishali, o Sr.Buda recebeu, ao mesmo tempo, dois convites para jantar. E, como ambos fossem para a mesma noite, havia de escolher apenas um.

O primeiro convite vinha dos poderosos Liechevs (uma das duas oligarquias militares da Índia), e o segundo vinha de Ambapali, a cortesã.

Na noite do jantar, Sidartha sentou-se à mesa de Ambapali.

Por Sandro Bosco às 22h41

27/01/2009

Correção da coluna vertebral

 
 

Correção da coluna vertebral

A prática destes dois asanas acima podem ser bem sucedidos

na correção de desvios da coluna como escoliose, bem como quase

todos as "posturas de pé".

No entanto alguns ajustes de alinhamento interno do corpo

podem trazer benefícios mais eficientes e imediatos. Alinhamento

é uma característica básica e um buscar constante e dinâmico na prática

do método de yoga criado pelo mestre B.K.S.Iyengar,

popularmente conhecido por Iyengar Yoga. 

Por Sandro Bosco às 23h11

Aonde quer que esteja seus pensamentos ou suas palavras está o seu poder, a sua energia vital.

 

A mátrika  ( o poder inerente nas letras do alfabeto) é a fonte do conhecimento limitado.

Shiva Sutras 1.4

Origem -----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

O antigo texto escrito no norte da Índia que se tornou uma fonte de conhecimentos chamado  Shivaísmo da Cachemira, explica sobre o poder da palavra seja ela falada ou pensada. Segundo o sábio yogue autor do Shiva Sutras a mátrika é a causa da dor ou o prazer humano e  nada pode ser expressado neste mundo que em última instância esteja ausente de palavras.

Os níveis da fala ------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

 Existem quatro níveis da fala que correspondem aos quatro corpos. Todos os humanos são conscientes da fala da língua e corresponde ao corpo grosseiro. Na garganta pode-se perceber que há o segundo nível da fala que corresponde ao intelecto sutil, o corpo sutil. Num nível mais profundo (o terceiro) existe no coração que corresponde ao corpo causal. Por detrás deste, o quarto nível, corresponde ao supra causal que dizem estar na região do umbigo mas na verdade está em todo lugar.
Letras se combinam, m-a-n-g-a, e a palavra manga traz na consciência a existência da fruta. A matrika shakti, a energia criadora das letras unidas formam palavras e trazem sentidos e assim criam universos, internos e externos.
 O praticante de yoga reconhecendo este poder intrínseco deve cuidar da palavra!
!

Por Sandro Bosco às 22h56

26/01/2009

Qual a melhor hora para meditar ou praticar respiração yogue?

 
 

Qual a melhor hora para meditar ou praticar respiração yogue?

Qual a melhor hora pra meditar ou praticar respiração yogue?

Sri Sathya Sai Baba, famoso guru indiano, ensina que se você pratica entre 3:30h e 05h da manhã, portanto antes do nascer do sol, você colhe benefícios espirituais a aquele que pratica depois do nascer do sol, colhe benefícios mundanos.

Por Sandro Bosco às 17h42

Como respirar?

 
 

Como respirar?

Algumas pessoas ao verem as fotos no blog de pessoas deitadas ficaram em dúvida. Explico, a orientação que o professor dá ao aluno em Iyengar Yoga é começar os pranayamas deitado pois se ele não tem um bom tempo de prática de asanas – posturas -  seu corpo e sua coluna vertebral ainda não são suficientemente firmes para permanecerem eretos e de forma estável  por um período de tempo necessário para o desenvolvimento da prática da respiração yogue . Ocorre então que em poucos minutos ele vai inclinar a costas e fechar a região do peito e com isto bloquear o aparelho respiratório para uma boa prática de pranayamas – respiração yogue -. No entanto não é deitar de qualquer forma, observe na foto que o apoio em alguns cobertores dobrados mantém o espaço interno necessário para o tórax, pulmões e coração, descomprimindo o peito e apontando o queixo para baixo.

Seja cuidadoso e delicado ao praticar pranayama, assim como quem carrega um bebê recém nascido.

 

 

SHAVASANA - POSTURA DO CADÁVER

Por Sandro Bosco às 17h37

23/01/2009

Sabedoria Zen

 

 

O Grande Caminho não é dificil para aqueles que não tem preferencias.

Quando amor e ódio estão ausentes tudo se torna claro e sem disfarces.

Faça a menor distinção contudo, e o céu e a terra estão infinitamente separados.

Se você quer ver a verdade, então não mantenha nenhuma opinião nem contra nem a favor.

O luta entre o que uma pessoa gosta ou desgosta é a doença da mente.

------------------------- Sosan, mestre Zen do século XIII

Por Sandro Bosco às 22h11

22/01/2009

Postura de yoga para o efeito das más notícias

 
 

Postura de yoga para o efeito das más notícias

 

 

                                                                                                           foto - R.Setton

SETU BANDHA SARVANGASANA - construção de uma ponte na posição de apoio nos ombros

 Esta variação restauradora da postura com acessorios é muito eficaz para diminuir as ansiedades

 e inseguranças que as más noticias trazem. Se você é viciado em noticias do rádio, jornal internet e televisão

 e se elas alteram facilmente o seu humor vai uma dica: pratique yoga!

Por Sandro Bosco às 08h47

A partir do amor ...

 
 

A partir do amor ...

Existem dois tipos (de pessoas) no caminho. Aqueles que vem contra a sua própria vontade, que seguem a religião cegamente, e aqueles que obedecem a partir do amor. -----------
 --------------------  Rumi

Por Sandro Bosco às 08h41

21/01/2009

A inteligência na forma de luz

 
 

A inteligência na forma de luz

O cérebro de um yogue estende-se da base do pé ao topo da cabeça

            -----------------------------  B.K.S.Iyengar

 

A sociedade convive com um conceito de cérebro diferente de um praticante de yogasanas.

Associamos cérebro unicamente ao raciocíno, a lógica, ao Q.I., etc ...

A luz da inteligência existe numa diversidade de intensidades e brilhos no ser humano.

Quando o cérebro esta´presente nas células por esforço auto-consciente do praticante de yoga

há uma qualidade de sáude e lucidez indescrítiveis!

 

Por Sandro Bosco às 22h20

Como reconhecer um ser iluminado?

 
 

Como reconhecer um ser iluminado?

A característica básica para você reconhecer se aquele ser humano chamado por alguns de um "ser iluminado"  - jivanmukta como é citado em sâncrito - está no estado chamdo 'liberto' é sutil mas é visível. Você não encontrará medo em sua face e você o verá sempre a vontade. Quando se está livre da mente reativa não há o que temer. A frente de uma pessoa assim é mérito seu se você for contagiado pelo seu silencio interior pois você experimentará um estado interior de meditação de olhos abertos. Eu senti como se tivesse voltado para um lugar seguro que eu sempre estive procurando e não tinha consciência de que era isto que estava procurando.

Por Sandro Bosco às 22h07

20/01/2009

A Posse do presidente

Dizem que Barack Obama é o mais importante no momento (ouvi no rádio). Será mesmo?
Há três ou seis formas de viver me parece. Plugado nas noticias da mídia, desplugado da mídia, semi- plugado e todas as anteriores com discernimento e sem discernimento.
Oque você acha?
Baracak Obama bem que podia praticar yoga e meditação regularmente, diariamente com um bom professor (a) seria uma forma de eu me sentir mais seguro. Já que ele lê e-mails do eleitorado alguém podia lhe indicar um mestre de yoga.
Brincadeira, brincadeira, o que me parece mesmo é que segurança é algo caro e valioso e que só mora lá dentro (de você) e não dá para depender de nada que seja externo. Se você não está conectado com o interior de Si, se você não faz o exercício de voltar-se para dentro cada e todo dia, você está a mercê dos ventos e tempestades exteriores. Yoga e meditação podem revelar e sustentar que o caos do mundo não existe lá dentro a não ser que você o leve para lá.

O presidente é você! Tome posse todo dia!

Live arbítrio existe a cada segundo em pensar oque você quer. Pensar algo que possa contrair ou expandir, diminuir ou crescer. Você escolhe. O mundo pode ser como você o vê. O mundo é como você o vê.

O presidente é você! Tome posse todo dia!

Por Sandro Bosco às 16h38

19/01/2009

7.200.000 canais de energia

 
 

 

Quando você pratica pranayamas - exercício respiratório (literalmente significa controlar a bio-energia)  deve existe um cuidado maior do que quando você pratica asanas (posturas). ------------------------------------------------  Porque? --------------------------------------------------------------------------------------------
A respiração é um mecanismo muito delicado que envolve pulmões, e cérebro e sistema nervoso. Se você fica  semanas sem comer seu estômago padece, todo seu organismo fica debilitado. Se você fica dias sem beber, seus rins se enfraquecem e novamente todo seu metabolismo sofre. Se você fica  minutos sem respirar  seu aparelho respiratório sofre e seu cérebro pode passar por lesões irremediáveis. Por isto a prática do pranayama requer bom senso, cuidados e atenção de um professor experiente.


 

PRATIQUE
O exercício respiratório mais básico e simples e extremamente poderoso é  quando sentado ou deitado você observar a entrada e saída do ar. Se você se disciplina nesta prática verá como o tempo entre uma expiração e inspiração aumenta gradativamente. Os yogues ensinam é que nesta pequena parada - kumbhakha -  que o prana, a bio-energia - é absorvida nas narinas e conduzida pelo seu organismo energético por 7.200.00 canais de energia  - nadis - por todo o corpo físico e energético. Estas são as paradas para a vida, paradas para que ela se perpetue. Quanto mais longas e naturais sejam elas, melhor é.
Experimente!

 

POSTURAS PARA PRANAYAMA  - 0 EXERCÍCIO DE RESPIRAÇÃO YOGUE

 

SHAVASANA - POSTURA DO CADÁVER

 

SUKHASANA - POSTURA FÁCIL E SIMPLES

 

Por Sandro Bosco às 22h50

16/01/2009

Momento especial

 
 

Momento especial

Pergunta da hora

Muitos visitantes do blog me perguntam como escolher um professor de yoga na sua cidade?

Nesta época do ano muitos têm em seus projetos começar a praticar yoga e aí é quando este tipo de pergunta aumenta.
Não é complicado escolher um professor. Primeiro lembre-se que existem mais professoras que professores de yoga. Procure buscar na internet os diferentes tipos de yoga pois variam muito, muito mesmo de um para outro. Faça uma aula experimental sem expectativas e procure ter informações deste(a) professor(a).

Possibilidades

No Brasil hoje existem algumas associações que avaliam e/ou cadastram professores com um mínimo de experiência. A Aliança do Yoga e a Associação Brasileira de Iyengar Yoga são duas que eu conheço - www.iyengar.com.br.

Procure estudar  a linhagem do método de yoga que este ou esta professora ensina. Hoje na internet existe uma facilidade enorme neste campo.

Literatura

 Existe um livro de uma moça modelo do mundo da mídia que narra sua experiência em inúmeros caminhos de yoga - Living Yoga - Christy Turlington - editora Hyperion NY, devem existir outros. Use a lógica, reveja suas necessidades mas consulte seu coração antes de decidir.

Conhecimento ancestral
As escrituras yogues dizem que são milhares de vidas que passam até que o ser humano desperte interesse pelo eclético caminho do yoga, então, sem dúvida, se este é o seu momento, ele é especial!

Por Sandro Bosco às 18h06

14/01/2009

Quando a respiração parte ...

 
 

Quando a respiração parte ...

" Enquanto existe a respiração existe vida. Quando a respiração parte, a vida também parte. Portanto regule a respiração." HATHA YOGA PRADIPIKA
Este antigo texto yogue nos dá o básico. É incomodo lembrar que a vida vai partir. Lembrar que a vida nos leva para a morte. Mas se o seu objetivo com yoga é espiritual voce deve lembrar regularmente desta verdade. O primeiro livro que eu li de yoga que me chamou a atenção sobre isto na minha adolescência não era de yoga, era de ocultismo. O autor dizia que o yoga prepara para a morte. Isto me arrepiou e adorei, achei genial, era isto que eu queria. Não há mistério maior do que a morte do corpo físico. Depois aprendi com os mestres espirituais yogues que a morte em vida é mais importante. A morte do ego. A dissolução do ego no oceano de amor e compaixão. A verdadeira liberdade. 
Durante muitos anos pratiquei meditação relaxando e acompanhando o movimento da respiração e encarando que aquela expiração poderia ser a última. Isto me ajudou a trazer muito o foco interior da mente e da vida para o "agora".

Yoga Dham - Curso de Imersão no Yoga

Neste exercício, que  bloqueamos físicamente as entradas destes órgãos de percepção, o praticante facilita o pratyahara, que é quando o prana - bio-energia - dos sentidos se volta para dentro e facilita o dharana - concentração inteiror.

Por Sandro Bosco às 18h08

13/01/2009

Como praticar yoga?

Por Sandro Bosco às 17h49

Como praticar yoga?

 
 

Como praticar yoga?

Ainda nas férias ...

Estávamos de férias nas montanhas apreciando com os meus filhos os esquilos caxinguele comendo semente de girassol. Eles eram muitos e super divertidos, brigões e brincalhões.  Logo chegou uma outra familia. O pai , pareceu tão agitado, que mesmo no passeio dele com a familia dele,  não conseguiu nem se interessar quanto mais olhar, mesmo as crianças dele chamando. Não percebeu a poesia daquilo tudo. Parecia aquele lema: "Férias sim, relaxar jamais!"


 

O mestre disse ...

Comparei o ocorrido nas montanhas com o Mestre Iyengar que diz que para você praticar yogasanas - posturas-  se você não traz para a mente o momento presente e para o corpo a luz da consciência, você emburrece o corpo. É preciso estar presente para que esta inteligência corporal se manifeste. Fazer asanas mecanicamente é emburrecer.


 

Na aula ...

 Falo nas aulas de yoga que asanas são como poesia. Se você não põe o coração você não entende poesia. Fazer asanas mecanicamente (sem o coração presente) é como ler poesia mecanicamente você não percebe nada. Mecânico é o robô, o ser humano é cheio de poesia, seus movimentos ainda mais, e sua consciencia e atenção são pura luz!

Por Sandro Bosco às 17h49

O que permiti você enxergar não são os olhos

 
 

O que permiti você enxergar não são os olhos

Estamos tão habituados a ver e não enxergar que um texto ou koan Zen é algo surreal.
De fato é sem nexo porque o Zen não procura nexo. Nexo quem encontra é  a mente, a razão. O Zen ou Yoga ensina que a última compreensão, as respostas daquilo que o ser humano não tem resposta, não se dá pela mente e sim pelo Ser. O Ser  - ou o "Si mesmo" - pode perceber sem os órgãos de percepção ou lhe dar compreensão de algo sem o raciocínio da razão. Este Ser Interior é "não mental". Mas, é através Dele ou por causa Dele que a mente pensa. É pela existência Dele que os olhos enxergam o que vêem. Digamos que você está em um quarto e pode  reconhecer a parede, o teto, os móveis, a janela, a cortina e normalmente você não vai perceber a luz no quarto. Mas é só pela luz que ilumina o quarto é que você está percebendo tudo isto. Da mesma forma o Ser ou atma, a "essência única",  normalmente é o último reconhecido na existência humana. Mas Ele é esta luz, Ele é a luz que permeia a tudo e que nos permiti sentir com a pele, ouvir com os ouvidos, degustar com a língua ou pensar com a mente. O Ser Interior é o provedor desta Shakti - energia criadora - e é o "eternamente existente".

Por Sandro Bosco às 17h21

12/01/2009

Lua crescente e cachoeira

"De volta". Isto é o que alguns alunos já me falaram hoje. "Que bom não agüentava mais férias ou feriado prolongado", dizem outros. Mas para mim não funciona muito assim. Pratico e leio yoga de manhã e de noite, ou de tarde e de noite, ou vice-versa ou múltiplas combinações. Não tem encontro das águas na minha vida do rio Negro com o Solimões. É uma água só: meditação e yoga todo dia.
Apesar de que não dei aulas do dia 21 até ontem, yoga está tão dentro e fora, tão a minha volta que estou sempre "dentro". Adoro dar aula. Yoga me gera prazer. E me organiza mentalmente, fisicamente e emocionalmente. Que bom que tem comentários, que vocês visitaram o blog do yogue no natal e no ano novo. Estive nas montanhas da Mantiqueira sem internert. Desplugado da blogosfera, mas plugado nas seriemas, tucanos, esquilos caxinguelês, saíras coloridas, fogueira, lua quarto crescente, investigação de girinos no lago com as crianças, escaladas e cachoeiras com os filhos. Já estou respondendo a todos!
Namaste.


 

Para sua reflexão
"Quem é aquele que conhece algo quando a mente está cheia de raiva ou de amor? Quem é aquele que está desperto quando estamos dormindo? Quem é que nos conta sobre nossos sonhos? Nós devemos meditar naquele "Um" que é o testemunho de tudo."
                                                                                                     Swami Muktananda

Por Sandro Bosco às 18h17

09/01/2009

VIPARITA DANDASANA - CADEIRA, ALMOFADÃO E TOALHA

 
 

VIPARITA DANDASANA - CADEIRA, ALMOFADÃO E TOALHA

 

A cadeira suporta as costas e proporciona um maior alongamento da coluna, da nuca e dos ombros.  Quando se segura a cadeira tanto na preparação da postura quanto na postura final, se expande o peito (abre o sternum) aliviando a respiração e o coração.

O almofadão tem a função de aumentar a altura em relação ao chão para a cabeça poder repousar acalmando o sistema nervoso e a pressão sanguínea.

O rolinho (pode-se usar uma toalha enrolada) cria espaço e alivia a região lombar.

 

Ver post: http://blogdoyogue.blog.uol.com.br/arch2008-10-12_2008-10-18.html#2008_10-13_23_00_47-128477789-25

 

Fonte: Yoga the path to holistic health - Editora Dorling Kindersley

Os comentários serão muito bem vindos. estarei respondendo após o dia 12 de janneiro.

 

Por Sandro Bosco às 09h22

08/01/2009

Curso de Formação

 
 

Curso de Formação

A partir do dia 15 de janeiro estarão abertas as inscrições para o Curso de Formação da Yoga Dham 

Mais informações pelo site: www.yogadham.com.br 

 

 

Todos os comentários serão muito bem-vindos, responderei a partir do dia 12/01.

Por Sandro Bosco às 13h30

05/01/2009

HALASANA - CADEIRA E ALMOFADÃO

HALASANA - CADEIRA E ALMOFADÃO

 

 

A cadeira ajuda a entrar e a sair da postura com confiança e faz com que a coluna se alongue confortavelmente.

O almofadão embaixo dos ombros tira todo o peso do pescoço e da cabeça. O segundo almofadão sobre a cadeira suporta o peso das pernas, facilita o alongamento da coluna e torna essa variação restauradora.

 

Fonte: Yoga the path to holistic health - Editora Dorling Kindersley

 

Todos os comentários serão muito bem-vindos, responderei a partir do dia 12/01/2009.

 

Por Sandro Bosco às 09h06

02/01/2009

SUPTA BADDHAKONASANA - COBERTOR, BLOCO,CINTO e ALMOFADÃO

 

Nesta postura utilizamos o almofadão para ajudar na abertura do sternum. 

O cobertor na cabeça, alonga a nuca relaxando toda a cervical. 

O cinto  mantém a abertura das virilhas aumentando a abertura do quadril.

Os blocos embaixo das coxas são utilizados para relaxar as coxas e consequentemente as virilhas ( neste caso pode substituir os blocos por cobertores enrolados ou com almofadas).

Fonte: Yoga the path to holistic health - Editora Dorling Kindersley

 

Todos os comentários serão  muito bem-vindos, estarei respondendo a partir do dia 12/01/2009. 

Feliz Ano Novo!

Por Sandro Bosco às 09h52

01/01/2009

IYENGAR YOGA E O USO DOS PROPS - ACESSÓRIOS

 
 

IYENGAR YOGA E O USO DOS PROPS - ACESSÓRIOS

 

O mestre indiano B.K.S.Iyengar é criador de um método que prima pela clareza na execução dos asanas e pranayamas no que tange movimentos e alinhamento corporal.

 O Sr. Iyengar foi um jovem muito doente, ele encontrou a saúde através da pratica de Yoga.

Em seus anos e anos de estudo criou uma série de acessórios para sua prática pessoal. E assim surgiu uma característica muito marcante no método Iyengar Yoga: - a utilização de acessórios, também conhecido como props.  São utilizados almofadões, cintos, blocos, cobertores, cadeira, etc. Tudo para propiciar o alinhamento correto do corpo na construção das posturas. Esta ferramenta permite incluir a todos na execução dos diferentes asanas. Os acessórios em Iyengar Yoga  tem várias finalidades:

  • Ajudam o praticante a encontrar o alinhamento perfeito (ou mais próximo do perfeito) do corpo no asana.
  • Previne lesões.
  • Os acessórios são muito utilizados nas posturas restauradoras - adaptando a postura para pessoas que estão doentes ou tem algum problema físico e muitas vezes tornando-a mais relaxante.
  • Ajudam a propiciar conforto no asana.
  • Muitas vezes possibilitam que o praticante execute determinado asana, que sem o acessório não seria possível.

 Até o dia 10 de janeiro de 2009 estarei publicando alguns asanas restauradores como uma prática e estudo de yoga para o seu início de ano.

Por Sandro Bosco às 21h46

Sobre o autor

Sandro Bosco

Certificado internacional de Iyengar Yoga. Ensina e pratica yoga e meditação há mais de 40 anos, coordena a escola Yoga Dham. Neste blog compartilha regularmente todas estas experiências.

Histórico